terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Seremos todos atraídos?

Na semana passada, na infantil 2, explorámos vários materiais de modo a verificar como se comportavam perante um íman.
Começamos por tentar descobrir o que era um íman… 
“Um íman é uma coisa que prende com outro íman.” D. 
“Os ímanes são coisas que atraem o metal.” M.S. 
“Eu já descobri que as coisas de metal colam-se aos ímanes.” M.L.
“Um íman é uma coisa que cola ao cartão.” A.C. 
“O íman é uma coisa que cola às paredes.” A.C. 
“O íman é para pegar coisas de metal.” C.B. 
“Um íman é uma coisa cinzenta brilhante, ou dourado, ou prateado, que pega às outras coisas de metal diferentes.” R.C. 

Em seguida, formamos 2 conjuntos de objetos: os que, hipoteticamente, iriam ser atraídos pelo íman e, os que não iriam ser atraídos.
“A mola pequena não atrai porque o fio é muito pequeno.” T.
“A taça de plástico não atrai porque é muito grande e não é de metal.” R.C. 
“A casca de pinheiro não atrai porque não é de metal.” M.S. 
“O fóssil atrai porque é de metal.” B. 
“O açucareiro atrai porque é de metal.” A.C. 
“O gancho não atrai porque não é de metal.” R.G. 

Depois de registadas as várias hipóteses, foram distribuídos ímanes pelas crianças e cada uma escolheu qual o objeto que queria testar.
No final, voltamos a reagrupar os objetos de acordo com o resultado da observação!
“Porquê que o íman não atrai o açucareiro, se é de metal?” C.B.
“Porque é muito pesado.” A.C. 
“Não, porque o íman só atrai o ferro.” M.G. 😊 

 Educadora Rita Costa
Infantil 2

Sem comentários:

Enviar um comentário